Estupradores de Queimadas vão para presídio

turma

Terminou nesta segunda-feira (dia 20), o prazo cinco dias para os sete presos acusados de terem estuprado seis mulheres e matado duas, na cidade de Queimadas, fiquem nas celas do reconhecimento na Penitenciária de Segurança Máxima PB 1, em João Pessoa e a ora eles devem ser transferidos para as celas comuns onde ficam os outros presos.

O secretário Harrison Targino, explicou que a fase de ‘reconhecimento’ é recomendada devido ao risco de morte que os suspeitos correm. “O crime pelo qual são acusados causa internamente muita revolta dos apenados”, comentou.

Os sete adultos envolvidos no crime, deveriam ter sido encaminhados ao Complexo do Penitenciário do Serrotão, em Campina Grande, ou para a cadeia pública de Queimadas, mas o grupo foi transferido para a capital por recomendação da Corregedoria Geral de Justiça da Paraíba, devido à falta de estrutura e à instabilidade entre os demais detentos das primeiras cidades.

Além dos sete adultos presos, foram apreendidos três adolescentes. Eles estão em um abrigo provisório no município de Lagoa Seca. Segudo o promotor Márcio Teixeira, o Ministério Público da Paraíba vai oferecer representações contra os três rapazes. Eles poderão responder por estupro, homicídio e porte ilegal de arma. A representação final contra eles deve ser entregue à Justiça nesta semana.

De acordo com o delegado regional de Campina Grande, André Rabelo, a Polícia Civil tem até a quarta-feira (22) para remeter à Justiça o inquérito sobre o crime.

 Clickpb

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: